Adenor Gondim

Brasileiro, 1950

Adenor nasceu em Ruy Barbosa, no sertão da Bahia em 1950. Apesar de ter se graduado em Biologia, escolheu a fotografia para ganhar a vida seguindo o exemplo de seu pai que tinha um estúdio fotográfico em sua cidade.

A religiosidade popular e o sincretismo religioso da Bahia foram, durante os últimos 40 anos, os assuntos que o levaram a construir um dos maiores e mais completos acervos fotográficos sobre esse tema, e ao lado do de Pierre Verger, hoje representam duas das maiores fontes iconográficas sobre a história da Bahia, das suas religiões e do seu povo.

Adenor já mostrou seu trabalho em inúmeras exibições no Brasil e no exterior e é uma presença incontornável quando se quer falar de religiosidade e sincretismo no Brasil.

EM EXIBIÇÃO | NOTÍCIAS

PUBLICAÇÕES